Caim – o motorista de taxi

08/12/2008

Esse é um dos easter-eggs mais curiosos do jogo. Trata-se da figura do taxista, um NPC a princípio sem nenhuma relevância no jogo, além do fato de conduzir o jogador entre os diversos cenários (se seu personagem não for nosferatu só terá essa forma).

Basicamente o taxista de leva a diversos locais do jogo sem fazer nenhuma pergunta e parece realmente não saber de nada. Mas quando chega a parte final você terá uma surpresa.

Além de ser um dos únicos que de fato irá te ajudar (ainda que se identifique como um velho amigo de Jack) o taxista demonstra um conhecimento sobre a sociedade vampírica e sua história muito maiores do que se poderia imaginar. Alguns desconfiam de que ele seja o tal amigo oculto responsável pelos emails com enigmas relacionados ao xadrez.

Há é claro a enigmática cena final em que o taxista aparece a Jack com uma frase que diz muito sobre o próprio jogo da Jyhad e sobre a Gehenna, ilustrando os temores de que os vampiros não passariam de marionetes nas mãos dos antidiluvianos. Para aumentar todo esse suspense, os criadores do jogo ainda fizeram mais uma brincadeirinha. Quem olhar na pasta do jogo verá que a voz do taxista está identificada com o título Caine, o que é mais um indício de que há muito mais escondido na figura enigmática do taxista do que nosso personagem poderia supôr. Fora que não deixa de ser divertido imaginar que depois de tantos milênios a espera de seu retorno, Caim tenha escolhido reaparecer para a Gehenna como um taxista de Los Angeles.

 

Postado por Beatrix | Arquivado em Curiosidades, Easter Eggs, NPCs | 5 Comments »

 

O iluminado

02/11/2008

(The Shinning)


O Hotel Ocean House é cheio de referências a esse filme, clássico do terror, dirigido por Stanley Kubrick e baseado em um romance de Stephen King. O assassinato da mulher no banheiro, as crianças mortas a machadadas e um homem aparentemente normal que depois de um tempo de isolamento no hotel se torna um psicopata violento. Até mesmo o cenário do hotel guarda algumas semelhanças com o filme. No filme os cenários, amplos e espaçosos, reforçam a idéia da solidão e do isolamento. Uma das cenas mais assustadoras do filme é o encontro com as gêmeas assassinadas.


O filme conta a história de Jack Torrance (Jack Nicholson), que aceita o trabalho de zelador de um imenso hotel durante a baixa temporada do local – um inverno bastante denso e torturoso. Durante esse período, ele tenta escrever o seu livro, mas um passado sombrio do hotel começa a aterrorizar a família e afetar diretamente a sanidade mental de Jack. Sua mulher se torna passiva a tudo o que está acontecendo, enquanto seu filho tem poderes paranormais de comunicação com as forças ocultas do lugar.

No jogo assim como no filme o terror é apenas sugerido, e se torna mais intenso do que se fosse explicito através de tripas e miolos como estamos acostumados a ver nos filmes de terror atuais. O que assusta em Ocean House é o seu passado, os horrores que lá aconteceram, imaginar a loucura que tomou conta de um homem normal e que o levou a assassinar de forma brutal aqueles a quem amava. Isso se torna mais forte pelos pequenos detalhes como os brinquedos no quarto das crianças e um desenho deixado por uma delas que mostra a transformação do pai.

O diário deixado pela mulher e os jornais dão boas pistas sobre tudo o que aconteceu no local.


 

Postado por Beatrix | Arquivado em Easter Eggs | 1 Comment »